domingo, 28 de fevereiro de 2016

como fazer bolo decorado

Montagem do bolo mousse de canela, laranja e bananada:
1. Untar a superfície interna de um aro com óleo.
2. Forrar o fundo com um disco de génoise e pincelar com a calda de laranja.
3. Passar uma camada fina de bananada.
4. Colocar metade da mousse de canela e laranja.
5. Colocar mais um disco de génoise, pincelar com a calda de laranja.
6. Passar mais uma camada de bananada e cobrir com a mousse.
7. Uniformizar a superfície. decorar bolo
8. Levar ao freezer para refrigerar. glace para biscoito
9. No momento de servir retirar o aro cuidadosamente.
10. Decorar com fatias de banana caramelizadas e raspas de laranja.
Curso de Tecnologia em Gastronomia
Confeitaria fazer curso de decoração de bolo
fazer espetinho
vender espetinho 
como fazer espetinho
fazer espetinho para vender href="https://3.bp.blogspot.com/-3xCY1NvCjIw/VtN1YysQyLI/AAAAAAAAAXE/QJsQbkLU_Nw/s1600/curso%2Bde%2Bdecora%25C3%25A7%25C3%25A3o%2Bde%2Bbolo.jpg" imageanchor="1" style="margin-left: 1em; margin-right: 1em;">

73
Massa folhada como decorar bolos
10ª Aula  Galette de Rois
 Mil Folhas. receita de biscoito para decorar
 Pain au Chocolat como fazer bolo decorado
 MASSA FOLHADA
Détrempe decoração de bolo curso
Ingredientes: Quantidade: Unidade:
Farinha de trigo 500 Gramas
Manteiga sem sal 75 Gramas
Sal refinado 10 Gramas
Água 75 Mililitros glace para biscoito
Tournage
Ingredientes: Quantidade: Unidade:
Manteiga sem sal 300 Gramas

Preparo:
1. Preparar a massa contendo parte da gordura.
2. Após o descanso, abrir a massa.
3. Fazer um quadrado com a manteiga (300 g), centralizar no meio da massa e
fechar.
4. Dar prosseguimento às dobras de acordo com a demonstração e em seguida
fazer as produções (Galette de Rois, Mil Folhas e Pain au Chocolat).
 CRÉME PÂTISSIÈRE (para o Mil Folhas)
Ingredientes: Quantidade: Unidade:
Leite integral 500 Mililitros
Açúcar refinado 120 Gramas
Manteiga integral sem sal 50 Gramas
Ovo inteiro 1 unidade
Gemas 5 unidades
Amido de milho 40 Gramas
Essência de baunilha 5 Mililitros
Curso de Tecnologia em Gastronomia
Confeitaria
http://www.cursodebolo.com

74
Preparo:
1. Dilua completamente o amido em 50 ml de leite frio.
2. Junte as gemas e o ovo à mistura de leite com o amido. Reserve.
3. Coloque em uma panela o leite, o açúcar e a manteiga. Leve à fervura.
4. Assim que ferver, acrescente 1/3 do leite quente à mistura de ovos e amido,
mexendo rapidamente, fazendo com a temperatura dos ovos se eleve.
5. Adicione a mistura de ovos temperados ao leite, diminua a chama, e mexa
rápido e constantemente até que o creme se torne espesso.
6. Assim que o creme começar a ferver, cozinhe por mais 5 segundos.
7. Desligue o fogo e adicione a essência de baunilha.
8. Imediatamente verta o creme em um recipiente seco e cubra com filme plástico.
9. Refrigere.
 FRANGIPANE (para a Galette de Rois)
Ingredientes: Quantidade: Unidade:
Manteiga sem sal 200 Gramas
Açúcar refinado 200 Gramas
Ovos 3 unidades
Farinha de amêndoas 200 Gramas
Rum 30 Mililitros
Preparo:
1. Bater a manteiga com o açúcar até que o creme fique bem macio e claro.
2. Adicionar os ovos e bater até que a mistura se torne homogênea.
3. Acrescentar a farinha de amêndoas e o rum.

sábado, 13 de fevereiro de 2016

saúde racional do brasil

Provavelmente o maior obstáculo à erradicação de enfermidades transmitidas
por artrópodes é a guerra. Em tempos de paz, o trânsito global,
especialmente o aéreo, é uma constante ameaça para esses programas,
porém resulta de menor importância comparado às operações militares
em grande escala.  CLINICA DE OFTALMOLOGIA

comprar garcinia
garcinia preço
garciniacambogia
emagrecer com garcinia Certamente não existe mais dura prova para as técnicas
de medicina preventiva do que a apresentada pelas condições de
prolongada campanha militar e suas inevitáveis sequelas. Quando, aos
riscos normais e inevitáveis de doença que representa o conflito armado,
se acrescenta o espectro funesto da guerra biológica deliberada
(que pode incluir a disseminação de enfermidades propagadas por
artrópodos) se faz evidente a possibilidade que se coíba a erradicação
destas infecções.  clinica de ginecologia

Na ausência de conflitos mundiais e sobretudo aqueles
em que os fins parecem justificar medidas extremas, tais como a
guerra biológica, existe toda razão para pensar que a incidência das
enfermidades transmitidas por artrópodos continuará em descenso.
Nenhuma delas haveria de ameaçar novamente a civilização.
Na abordagem das doenças transmissíveis, a XI Conferência aprovou
resolução que apresentava a malária como "a doença que maiores prejuízos
causa a maioria das nações do continente" e recomendava que os
departamentos nacionais de saúde dos países americanos aceitassem as recomendações
da  clinica de urologia

garcinia cambogia para emagrecer
garcinia cambogia emagrece
garcina camboja
garcina cambogia preço Comissão de Malária da Oficina Sanitária Pan-Americana e
a considerassem como seu órgão consultivo. Observe-se que, nos Boletins
relativos à década de 1940, em vários momentos, acentuava-se a malária
como grave problema sanitário do continente e, mesmo no início dos anos
1920, anteriormente à manifestação da epidemia motivada pelo Anopheles
gambiae, o Boletim apresentava, na primeira página, mensagem de advertência
sobre a necessidade de combater essa enfermidade. clinica de dermatologia

As ações destinadas à erradicação do Aedes aegypti no Brasil, Peru
e Bolívia resultaram em voto de aplauso, e, mais uma vez, a febre amarela
constituiu tema prioritário do debate entre as autoridades sanitárias do continente
americano. Outras doenças transmissíveis, como a doença de Chagas,
a influenza, a lepra, a peste, o tifo e a tuberculose, também foram objeto
de teses e resoluções. No que diz respeito à tuberculose, deliberação importante
consistiu na recomendação do método de diagnóstico criado pelo
médico brasileiro Manoel de Abreu.